De volta ao topo

hidrocefalia

Cisto Aracnóide Intra-ósseo

Tumor relacionado a DVP

Mielomeningocele - Tratamento Cirúrgico

Cirurgia fetal ou após o nascimento?

A mielomeningocele é um defeito congênito da coluna e medula espinhal resultante do fechamento incompleto durante a 4a semana de gestação. O espectro e a gravidade das deformidades, assim como os déficits neurológicos, dependem do nível da lesão. Em geral, lesões mais altas como na coluna torácica, apresentam maior comprometimento neurológico.

Endoscopia Cerebral - Cisto Colóide

Neuroendoscopia ventricular

     Cistos colóides são lesões benignas que constituem cerca de 1% de todos os tumores intracranianos. Tipicamente estão localizados nos ventrículos cerebrais, que são bolsões onde o líquido cefalo-raquidiano é produzido e armazenado.

Malformação de Arnold-Chiari tipo 1

Síndrome de Arnold-Chiari

     O Chiari tipo 1 é uma mal formação do crânio que acontece na altura da junção entre o pescoço e a cabeça. Ocorre quando uma parte do encéfalo chamada de cerebelo, entra no canal vertebral (Figura). Esta deformidade está relacionada a um problema na circulação do líquido céfalo-raquidiano (líquor).

Pseudotumor Cerebral

O que é pseudotumor cerebral?

      Também chamado de hipertensão intracraniana benigna ou hipertensão intracraniana idiopática, é uma doença que causa principalmente dor de cabeça e alteração visual.

Hidrocefalia

Qual o melhor tratamento, válvula ou endoscopia?

     O cérebro é envolvido por um liquido chamado de líquor ou liquido céfalo-raquidiano (LCR) cujas funções básicas são hidratar e proteger. Este liquido está presente também dentro do cérebro em algumas cavidades que são chamadas de ventrículos. O acúmulo deste liquido dentro dessas cavidades com conseqüente dilatação dos ventrículos é chamado de hidrocefalia.

Pseudotumor Cerebral

Image: 
hipertensão intracraniana benigna, hipertensao intracraniana idiopatica, perda visual, derivação ventriculo-peritoneal, DVP, dor de cabeça, cefaleia, hidrocefalia, papiledema, edema de papila, punção lombar, trombose de seio, pseudotumor cerebral

      Também chamado de hipertensão intracraniana benigna ou hipertensão intracraniana idiopática, é uma doença que causa principalmente dor de cabeça e alteração visual. O diagnóstico é feito ao determinar a pressão intracraniana elevada e edema no nervo óptico, após descartar outras doenças com estas características, como por exemplo, tumores cerebraishidrocefalia, infecções (meningite), encefalopatia hipertensiva e trombose de seio venoso dural.

Subscrever RSS - hidrocefalia